Maçonaria na Internet

Alguma vez já lhe ocorreu de querer saber com que freqüência a Maçonaria é disseminada pelo mundo? A mim, sim. Comecei então a fazer algumas pesquisas cujos resultados irei postando aqui aos poucos.


Maçonaria em Várias Línguas
A minha primeira idéia foi verificar quantos resultados possíveis forneciam os principais sites de busca para a palavra Maçonaria em diversos idiomas. Escolhi como minhas fontes de busca o Google e o Yahoo, pois são os mais acessados e, também, duas das grandes “potências” da Internet. Como meus conhecimentos de línguas são limitados, os idiomas eleitos foram os seguintes: inglês, português, francês, espanhol, italiano e alemão. A tabela abaixo resume os resultados possíveis para cada língua, quando pesquisamos a palavra que significa maçonaria em cada uma delas.


Analisar os resultados obtidos é um pouco mais difícil.
A campeoníssima em freqüência é Freemasonry, do inglês. A Internet é massivamente povoada por sites em língua inglesa e muitos site são bilíngües. Assim, é possível imaginar que sites de loja e outras entidades maçônicas, principalmente no continente europeu, apresentem o termo Freemasonry, mesmo quando a língua mãe seja outra, o que elevaria o número de ocorrências em inglês. Mas, por outro lado, também é sabido que no berço da maçonaria especulativa falava-se o inglês e que até hoje o número relativo de maçons no Reino Unido e nos EUA é bastante alto quando comparado com a população daqueles países. Desta forma, no primeiro lugar deu mais ou menos o óbvio.

Chamou-me a atenção o fato da palavra em português aparecer em segundo lugar, muito próxima de Franc-Maçonnerie, do Francês. Não sei bem como interpretar tal coisa, mas acredito que é bem provável que o número de maçons de Brasil e Portugal somados seja mesmo maior que o de Irmãos franceses.

Não vou tentar tecer muitos comentários mais, somente gostaria de destacar a grandeza dos números. Somadas, essas seis línguas oferecem algo em torno de 4 milhões de resultados possíveis para que se aventurar a pesquisar sobre maçonaria via internet.

Por fim, convido qualquer um que vier a acessar esta página a contribuir com a análise dos dados acima postando suas opiniões em “comments”. Qualquer análise que se mostrar interessante ou reveladora, com os devidos créditos, será incorporada ao post.

3 comentários:

pedreiro disse...

Ouvi dizer que existe um programa de análise de dados que poderá ser útil.
SPSS

Pensador disse...

Pedreiro

Qual seria este programa?

Jorge Lepsch disse...

Desculpe-me entra nesta conversa antiga mas o site para esta informação me parece que é http://spss.mediateca.pt

Espero que mesmo atrasado possa ter ajudado pois apenas estava lendo os posts para conhecer um pouco da Maçonaria.

Queres Segredos da Maçonaria?

Então leia o que Fernando Pessoa, um dos maiores poetas da história da língua portuguesa, escreveu sobre o Segredo Maçônico.

Pedras Evoluídas

O Sol nasce e ilumina as pedras evoluídas,
Que cresceram com a força de pedreiros suicidas.
Cavaleiros circulam vigiando as pessoas,
Não importa se são ruins, nem importa se são boas.

Chico Science, cantor pernambucano falecido em 1997. (Uma pedra “evoluída”?)